Resenhas - Filmes

Resenha de Filme: IT – CAPÍTULO 2


It – Chapter Two, EUA, 2019
Gênero: Terror
Duração: 169 min.
Elenco: James McAvoy, Jessica Chastain, Bill Hader, Bill Skarsgård, Isaiah Mustafa, Jay Ryan, James Ransone, Andy Bean, Chosen Jacobs, Finn Wolfhard, Sophia Lillis, Jack Dylan Grazer, Jaeden Lieberher, Javier Botet, Jeremy Ray Taylor, Jess Weixler, Kate Corbett, Nicholas Hamilton, Teach Grant, Wyatt Oleff, Xavier Dolan, Stephen King
Trilha Sonora Original: Benjamin Wallfisch
Roteiro: Gary Dauberman
Direção: Andrés Muschietti
Cotação:4/5

Continuação do filme de terror mais lucrativo da história, IT – CAPÍTULO 2 (2019), novamente dirigido por Andy Muschietti, tinha uma dura missão pela frente: concluir de forma satisfatória a trama baseada no best seller de Stephen King, cujo final sem dúvida é difícil de traduzir em imagens.

A minissérie original dos anos 1990 tem méritos, mas derrapa exatamente no final, quando os Otários adultos tem o confronto definitivo com Pennywise em sua toca abaixo da cidade de Derry. Felizmente o filme se sai muito melhor neste aspecto, graças a um roteiro mais fiel ao texto de King e a efeitos visuais dignos de um blockbuster.

Mas até chegarmos ao final há um longo caminho a percorrer – afinal são quase três horas de projeção -, no qual Muschietti tenta achar um ponto de equilíbrio entre o filme de horror tradicional e o blockbuster hollywoodiano. Assim, temos cenas de puro terror e jump scares, com uma longa sequência final recheada com muita ação e CGI – onde é revelada a origem extraterrestre / extradimensional da entidade Pennywise.

Aliás, é curioso notar que, entre outras homenagens ou referências a clássicos do horror (como O ILUMINADO, do próprio King), foi recriada fielmente uma cena de O ENIGMA DE OUTRO MUNDO (1982), com Muschietti já dando ao público uma pista da real natureza de Pennywise.

O elenco infantil do primeiro capítulo retorna em flashbacks, porém, devido aos dois anos que separam ambos os filmes, efeitos de computação tiveram de ser empregados em alguns momentos para disfarçar seu crescimento. O resultado nem sempre é convincente, principalmente no caso do gordinho Jeremy Ray Taylor, que vive Ben Hanscom quando criança. Provavelmente o garoto emagreceu e tiveram de inflar artificialmente suas bochechas.

Mas de qualquer modo o filme agora é do Clube dos Otários  adulto, representado por um ótimo elenco onde se destacam James McAvoy, Jessica Chastain e Bill Hader – este dando uma grande dimensão a um personagem que facilmente poderia se limitar a ser o alívio cômico do grupo. Digna de nota é a aparição de Stephen King, naquele que talvez seja o seu melhor cameo cinematográfico.

Relevante em sua discussão de temas atuais (no seu início o filme mostra um ataque homofóbico em Derry) e, principalmente, na exaltação de um tema caro à obra de King, que são os laços de amizade que forjamos e, eventualmente, esquecemos ao longo de nossas vidas, IT – CAPÍTULO 2 é um longa que talvez se beneficiasse com uma duração menor, mas que não decepciona os fãs do livro original.

Conforme anunciou recentemente Muschietti, provavelmente A COISA retornará em um supercut ainda mais longo que unirá os filmes de 2017 e 2019 numa única experiência, com estrutura semelhante à do livro e da minissérie, e com cenas adicionais. Espero que nessa versão alguns pontos do roteiro, como o ritual que os Otários tem de fazer para derrotar Pennywise, sejam melhor desenvolvidos.

Jorge Saldanha

0 comentário em “Resenha de Filme: IT – CAPÍTULO 2

Comente o conteúdo da postagem

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: