Notícias

BABYLON 5 – A Última Esperança de Paz


b5slogo

[SPOILERS] Em 1993 foi exibido nos EUA, através do sistema de syndication (programa vendido diretamente a emissoras locais, e não transmitido em rede nacional por uma grande emissora), o piloto da série Babylon 5, “The Gathering”. O ano é 2257 e os humanos, após sua guerra contra os Minbari (2243/2244), decidem criar o projeto Babylon, pois a Terra fora quase destruída e era necessário descobrir um meio para tentar prevenir um conflito similar no futuro. Na verdade a humanidade só não foi extinta devido à misteriosa rendição dos Minbari, durante a Batalha da Linha.

station5Assim, diversas espécies alienígenas estão reunidas na estação espacial Babylon 5, situada num sistema neutro e sob o comando de Jeffrey Sinclair (Michael O’Hare), onde mantém negociações e relações diplomáticas. As espécies principais são Humanos, Minbaris, Narns, Centauris e Vorlons. Nos é passada a noção de que Narns e Centauris são inimigos há tempos, e os Vorlons são uma raça tão poderosa quanto misteriosa. Já os sinistros e letais alienígenas Trevas (no original, Shadows) não são citados no piloto; eles irão surgir em um arco desenvolvido ao longo da série.

Em 1994 Babylon 5 começou a ser exibida como uma série que teve a duração de cinco temporadas, sendo que a ultima foi exibida pelo canal TNT. Aqui no Brasil o programa passou no canal pago Warner, que infelizmente nunca mais o reprisou. Após seu encerramento, em 1999, a série originou a spin-off de curta duração Crusade (também exibida aqui pela Warner, e que há algum tempo chegou a passar também no SBT), e alguns telefilmes – o último foi A Lenda dos Rangers, que seria o piloto de uma nova série mas acabou não emplacando. J. Michael Straczynsky criou o conceito de B5 ainda na década de 1980, mas só nos anos 1990 conseguiu levá-la para a televisão. Inicialmente, ele tentou vendê-la para a Paramount, que a recusou para não criar concorrência com sua franquia Jornada nas Estrelas. Mas o estúdio terminou copiando alguns conceitos de B5, misturando-os com idéias de Roddenberry, e dessa forma criou a série Star Trek: Deep Space Nine. Esta série também é ambientada em uma estação espacial, e os Fundadores e seu Dominion são claramente inspirados nas Trevas.

O piloto de B5 nos apresenta vários questionamentos:

1- Por que os Minbaris se renderam na Batalha da Linha?

2- O que houve com as quatro estações Babylon anteriores?

3- Por que o comandante de B5, Jeffrey Sinclair, não se lembra do que lhe aconteceu na Batalha da Linha?

4- Quem realmente são os Vorlons?

5- Por que não existem Narns telepatas?

6- Por que a embaixadora Minbari Dellen ajudou Sinclair?

s4castAs respostas são tão intrigantes quanto as perguntas, que serão respondidas ao longo de cinco anos (2258 a 2262). Além dessas,vão surgindo outras ao longo das temporadas. As tramas, na melhor fase da série (quando a estação passou a ser comandada pelo Capitão John Sheridan, interpretado por Bruce “Tron” Boxleitner), giram em torno da Guerra das Trevas – e se você acha que os Borgs da Nova Geração de Jornada nas Estrelas são poderosos, então ainda não viu nada. Algo interessante é o fato de, inicialmente, apenas dois personagens saberem que estão envolvidos na Guerra das Trevas. Dos demais, alguns estão envolvidos mas não sabem, e outros irão envolver-se no desenrolar dos episódios.

Uma das tramas principais envolve Valen, um misterioso líder Minbari, que mil anos antes ajudou a derrotar os “sombrios” e uniu seu povo, criando o Conselho Cinza, os Rangers e também encerrou os conflitos entre as castas sociais. Como resultado os Minbaris tornaram-se tão poderosos que nem a República Centauri, mesmo no seu apogeu, nunca se atreveu a enfrentá-los.

Outro grande foco dramático da série é a decisão de Sheridan e seus comandados rebelarem-se contra o governo da Terra, após a posse do Presidente Clark – o que gera uma violenta guerra civil. Eles descobrem que Clark tramou o assassinato de seu antecessor, o Presidente Santiago. E pior, que ele tem planos ditatoriais e para perpetuar-se no poder irá fazer uma aliança com as Trevas.

Pode-se notar uma forte influência da lenda do Rei Arthur e de grandes obras da literatura, como O Senhor dos Anéis e Duna, no épico criado por Straczynsky. Que, entre outros méritos, foi a primeira série a ser exibida no formato widescreen e que mostrou a viabilidade da utilização integral dos efeitos especiais digitais (à época consagrados no filme Jurassic Park) na televisão. Ao longo dos anos 1990 muitas séries passaram a utilizar esses efeitos: Xena, Hércules, Buffy, Deep Space Nine, Voyager, Farscape e Arquivo X, entre tantas outras.

shadowatAndreas Katsulas, que interpretou o embaixador Narn G’kar, alguns anos antes foi o Almirante romulano Tomalak, que enfrentou o Capitão Picard na Nova Geração de Jornada nas Estrelas. Seu último papel antes de falecer foi num episódio da série Enterprise. Como dá para perceber, Straczynsly é um fã declarado de Star Trek, tanto que convidou Majel Roddenberry (esposa do falecido Gene, criador de Jornada nas Estrelas) para um dos episódios do terceiro ano; para interpretar o maléfico Bester, da Psicorps (a polícia telepática humana), que vive atormentando a tripulação da B5, ele convocou Walter Koenig, o Chekov da Série Original de Jornada nas Estrelas; e posteriormente até se mostrou disposto a colocar sua genialidade a serviço da então combalida franquia da Paramount, após o fracasso dos filmes Insurreição (1998) e Nêmesis (2002) e o cancelamento prematuro de Enterprise.

Se você gosta de batalhas espaciais e uma trama inteligente, não pode perder Babylon 5, onde alianças serão forjadas e desmanteladas, haverá traições, romance, intrigas, inveja, caos, união e tragédias – mas enquanto B5 resistir, sempre haverá esperança para a paz. Confira porque Babylon 5disponível na íntegra em DVD nos EUA mas sem previsão de lançamento no Brasil, é uma das melhores, se não a melhor, séries do gênero surgidas nos anos 1990.

Guilherme da Costa Radin

46 comentários em “BABYLON 5 – A Última Esperança de Paz

  1. Concordo B5 é demais, nem me lembro como descobrir, mas depois que assisti o 1º episodio não consegui parar.
    E Sheridam e Delem então, adoro qdo eles encontram a outra estação babylon.

    Curtir

  2. MAU COM U.

    Esta epoca era muit boa.
    Era feliz e não sabia,
    Os anos 90 foi a melhor epoca dos seriados syfy da tv EUA, pena q não repeti mais.
    O SYFY poderia colocar nas madrugadas este filme e todo seriado!
    um abraço a todos

    Curtir

  3. Miguel Ramos

    Foi uma boa surpresa ver o Straczynsky na equipe de Thor.

    Curtir

    • De fato. Ele escreveu a história na qual se baseou o roteiro, e ainda fez uma ponta no filme – ele é o 1º sujeito que tenta tirar o Mjolnir da pedra.

      Curtir

  4. Eu sempre quis assitir à série, mas nunca consegui encontrá-la. Uma pena que o público SciFi não seja levado a sério no país.

    Curtir

  5. Bassvix

    Na época eu não consegui acompanhar e já havia perdido acho que duas temporadas, mas o pouco que vi gostei, para a época era até bem feito, a ressalva é que de certa forma CGI em série de ficção – dependendo do tipo – pode ser fundamental e em alguns poucos episódios reprisados das temporadas iniciais senti falta de mais uso disso.
    Outro comentário, gostei bastante MASSS também assisti a muitos episódios que não inseriam nada na temporada, daqueles episódios que focavam em algo de alguns poucos personagens, normalmente bobos. Acho que se fosse por isso era capaz de nos dias de hoje a série até ser cancelada.

    Curtir

  6. Paulo Cirino

    Série excelente, que peguei ja na quarta temporada. Lógico, fiz questao de assisti-la integralmente. Pena ainda nãoo ter saido no Brasil (o box da série), e pior ainda não haver previsão.
    As produtoras e distribuidoras ainda insistem em não explorar este filão de mercado (venda de seriados)….

    Curtir

  7. Pingback: Resenha: Tron – O Legado (Blu-ray) « Sci Fi do Brasil

  8. Pingback: Notícias Curtas (25/05/2011): World War Z, Riddick, The Dark Tower « Sci Fi do Brasil

  9. Pingback: Jeff Conaway (1950-2011) « Sci Fi do Brasil

  10. Pingback: Star Trek e o Legado de Gene Roddenberry « Sci Fi do Brasil

  11. Pingback: Vem aí a série American Gods « Sci Fi do Brasil

  12. Pingback: Vilões Sci Fi e dos Quadrinhos « Sci Fi do Brasil

  13. Pingback: Assista ao trailer de Anjos da Noite 4: O Despertar | SCI FI do Brasil

  14. Sefert79

    Muito bom artigo, apesar de conter muitos spoilers… mas é uma boa forma de atrair novos espectadores.

    Em relação ao segundo questionamento citado, o grande mistério gira em torno do desaparecimento da Babylon 4, que literalmente sumiu após apenas poucas horas de funcionamento. As outras foram perdidas enquanto eram construídas, por motivos conhecidos: B1 por falha de projeto, B2 e 3 em ataques terroristas.

    Se alguém desejar comprar o seriado em DVD com legendas em português eu o possuo completo. Caso alguém se interesse, entre em contato com o site que acredito irá disponibilizar meu e-mail para contato. Minha intenção aqui não e fazer puramente uma propaganda, mas elogiar o artigo e oferecer esse seriado que não está disponível no Brasil.

    Curtir

  15. Pingback: DEEP SPACE 9: O “Velho Oeste” de Jornada nas Estrelas | SCI FI do Brasil

  16. Pingback: Espiões Sci Fi – e outros nem tanto… | SCI FI do Brasil

  17. Pingback: Walter Koenig na Calçada da Fama « SCI FI do Brasil

  18. Pingback: Vem aí PHOENIX RISING « SCI FI do Brasil

  19. Pingback: Michael O’Hare (1952-2012) « SCI FI do Brasil

  20. Pingback: Notícias Curtas (03/10/2012): SENSE8, REVOLUTION, CAPTAIN AMERICA: THE WINTER SOLDIER « SCI FI do Brasil

  21. Pingback: Robin Sachs (1952-2013) « SCI FI do Brasil

  22. Pingback: Malachi Throne (1928-2013) | SCI FI do Brasil

  23. Pingback: SENSE8: Netflix assume o projeto dos irmãos Wachowski e J. Michael Straczynski | SCI FI do Brasil

  24. Pingback: Victor Lundin (1930-2013) | SCI FI do Brasil

  25. Pingback: Michael Ansara (1922-2013) | SCI FI do Brasil

  26. Pingback: Resenha: Babylon 5 – The Complete Television Series (DVD) | SCI FI do Brasil

  27. Pingback: Lost: Seguindo em Frente | SCI FI do Brasil

  28. Pingback: Novidades em SENSE8 | SCI FI do Brasil

  29. Pingback: Vem aí o Reboot de BABYLON 5? | SCI FI do Brasil

  30. Pingback: Vem aí RED MARS (ATUALIZADO) | SCI FI do Brasil

  31. Pingback: Vem aí a Série PHOENIX RISING (ATUALIZADO) – SCI FI do Brasil – O Portal da Ficção Científica em Português

  32. Pingback: Jerry Doyle (1956-2016) – SCI FI do Brasil – O Portal da Ficção Científica em Português

  33. Pingback: Assista ao Trailer do Especial de Natal de SENSE8 – SCI FI do Brasil – O Portal da Ficção Científica em Português

  34. Pingback: 2ª Temporada de SENSE8 ganha Trailer e Cartaz – SCI FI do Brasil – O Portal da Ficção Científica em Português

  35. Pingback: Assista a um Featurette de Bastidores da 2ª Temporada de SENSE8 – SCI FI do Brasil – O Portal da Ficção Científica em Português

  36. Pingback: Netflix cancela SENSE8 – SCI FI do Brasil – O Portal da Ficção Científica em Português

  37. Pingback: Stephen Furst (1955-2017) – SCI FI do Brasil – O Portal da Ficção Científica em Português

  38. Pingback: Bernie Casey (1939-2017) – SCI FI do Brasil – O Portal da Ficção Científica em Português

  39. Pingback: Assista à Prévia do Episódio Final de SENSE8 – SCI FI do Brasil – O Portal da Ficção Científica em Português

  40. Pingback: Resenha de Arquivo: BABYLON 5 – THE COMPLETE TELEVISION SERIES (DVD) | SCI FI do Brasil - O Portal da Ficção Científica em Português

  41. Pingback: Resenha de Arquivo: BABYLON 5 – THE COMPLETE TELEVISION SERIES (DVD) – ScoreTrack.net

  42. Pingback: Resenha de Arquivo: BABYLON 5 – THE COMPLETE TELEVISION SERIES (DVD) | SCI FI do Brasil - O Portal da Ficção Científica em Português

  43. Pingback: Episódio Final de SENSE8 ganha Cartaz e Data de Estreia | SCI FI do Brasil - O Portal da Ficção Científica em Português

  44. Pingback: Assista ao Trailer do Episódio Final de SENSE8 | SCI FI do Brasil - O Portal da Ficção Científica em Português

Comente o conteúdo da postagem

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: